Aplicativo FGTS – Como Cadastrar e Consultar

Anúncio

Para quem precisa de informações sobre o seu FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) e não dispõe de tempo para ir até uma agência da Caixa Econômica Federal ou simplesmente quer usar a tecnologia para facilitar a vida, a melhor opção é baixar o aplicativo, que foi especialmente desenvolvido com esse objetivo.

O aplicativo facilita a vida do trabalhador.

História do FGTS

Um fato curioso e que muita gente não sabe, mas o Fundo de Garantia dos trabalhadores brasileiros é, atualmente, o maior de toda a América Latina e o oitavo maior do mundo!

Anúncio

São mais de 500 bilhões de reais de saldo total.

O FGTS foi lançado em 1966 pelo então Presidente da República, Castelo Branco, com o intuito de ser uma segurança para o trabalhador, caso perdesse o emprego, tivesse um recurso financeiro para garantir a sobrevivência enquanto não achasse uma nova colocação no mercado.

Nas regras atuais, em vigor desde a Constituição de 1988, cada trabalhador contribui com 8% de seus rendimentos mensais, valores que são corrigidos pela TR (Taxa Referencial) ano após ano.

Como baixar o app do FGTS e fazer o seu cadastro

Segundo o site da própria Caixa Econômica Federal, esse é o passo a passo que você poderá seguir para baixar o aplicativo e acabar de vez com a necessidade de ir até o banco para consultar o seu saldo ou fazer alguma solicitação referente ao fundo:

  1. Na loja de aplicativos do seu celular, busque FGTS. Clique em instalar e abra o aplicativo.
  2. Selecione a opção “Cadastre-se”
  3. Preencha todos os dados solicitados: CPF, Nome Completo, Data de Nascimento, E-Mail e cadastre uma senha de acesso
  4. A senha deve ser numérica, com se com seis dígitos. Para quem já usava o Aplicativo, pode repetir o mesmo número de senha que usava antes.
  5. Depois de incluir seus dados, clique no botão “Não sou um robô”.
  6. Você vai receber um e-mail de confirmação no endereço de e-mail informado por você. Acesse-o e clique no link que foi enviado.
  7. Após o cadastramento, abra o APP e informe o “CPF” e “Senha” cadastrada.
  8. Depois do Login, aparecerão algumas perguntas adicionais sobre a sua vida funcional.
  9. Assim que responder essas perguntas, você deve ler e aceitar as condições de uso do Aplicativo, clicando em concordar.

IMPORTANTE: Caso apresente erro como e-mail ou telefone divergentes do cadastro já existente no banco, é necessário comparecer a uma agência da Caixa Econômica Federal para regularizar esses dados. Nesse caso, você não conseguirá o acesso ao aplicativo sem antes solicitar presencialmente que um funcionário efetue essas correções no sistema.

Serviços disponíveis pelo Aplicativo do FGTS

  • Realização de saque de valores liberados por rescisão de contrato de trabalho e saque imediato
  • Solicitação de outras modalidades de saque com upload de documentos
  • Indicação de conta de qualquer banco para recebimento do crédito do saque
  • Consulta de saldos e extratos.

Saque Aniversário do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço

Todos os trabalhadores puderam optar por essa modalidade de saque que foi implementada em 2020 para facilitar o acesso ao recurso àqueles que não se enquadram nas regras tradicionais para sacar o FGTS. (aposentadoria, demissão sem justa causa, doenças graves, compra de imóveis, etc).

Trata-se de um mecanismo que permite que, ao optar pela modalidade, cada participante pode retirar, anualmente, no mês de seu aniversário, uma quantia máxima de até 1 salário mínimo.

Essa medida, segundo o governo federal, injetará mais 100 bilhões na economia do país até dezembro de 2021.

Saque Emergencial

Devido a pandemia do coronavírus, em 2020 o governo liberou uma opção específica de saque de forma emergencial, na qual cada participante do FGTS pôde sacar até 1 salário mínimo de seu saldo.

Porém, essa condição teve vigência apenas durante o ano de 2020, ou seja, deixou de existir em 31 de dezembro do mesmo ano.

Ainda não houve pronunciamento por parte do governo federal, sobre a modalidade voltar a funcionar em 2021.

Quem pode sacar o FGTS na sua totalidade

Podem sacar todo o saldo, trabalhadores que se encontram nas seguintes situações:

  • Aposentadoria
  • Compra da casa própria
  • Demissão sem justa causa
  • Rescisão por acordo
  • Morte do patrão e fechamento da empresa
  • Término do contrato de trabalhador temporário
  • Ter idade igual ou superior a 70 anos
  • Doenças graves (como Aids ou câncer)

Há ainda mais uma categoria de pessoas que pode sacar todo o saldo disponível de seu Fundo de Garantia, são aqueles trabalhadores que estão há 36 meses ou mais sem trabalho formal, de carteira assinada, ou seja, contas que não recebem depósitos há mais de 36 meses.

Para esses, é necessário a apresentação dos seguintes documentos:

  • Documento de identificação (RG, carteira de habilitação, por exemplo)
  • Número do PIS/Pasep/ NIS
  • Carteira de trabalho

Quer saber mais? Visite o site da Caixa Econômica Federal: Site da Caixa

Esperamos que esse artigo tenha sido útil!

Matérias relacionadas:

Anúncio